Dias de One piece #17

dias de One piece 17Sem ideias para a chamada do Post…

09_199Olá a todos os meus três leitores, estou escrevendo isso depois de passar dois dias sem dormir, vou entrar no terceiro antes de terminar de escrever isso com toda certeza. Mas se esquecermos do pequeno detalhe de que eu estou fazendo mais força para manter meus olhos abertos do que faço para jogar basquete; acredito que estou melhor que na postagem anterior na qual eu ao menos lembrava quando tinha lido esse mangá pela ultima vez. E agora eu só me lembro, porque foi ontem que li; mas vamos ao que interessa.

O capitulo oitenta e um, digamos que assim como a maioria dos que eu já li em One Piece, se apresenta bem mediano, pois nesse capitulo em especial eu senti falta de algo que com toda certeza deveria estar presente, a emoção; eu simplesmente não senti nada em um momento que deveria ser bem triste na história, que é na parte em que todos os integrantes da vila onde a vadi… Nami morava se sujeitam a uma missão praticamente suicida para salva-la (ou não).

10_064No capitulo oitenta e dois temos algo mais divertido, com o Luffy chegando ao Arlong Park após a Nami chorar clamando por sua ajuda, achei ele mais divertido, pois nesse o autor gerencia bem a ação e a comédia, deixando assim o capitulo mais agradável de ler; também vale lembrar que nesse capitulo se inicia o volume dez deste mangá, com uma capa que aqui entre nós… Está feia pra caralho. O próximo capitulo seguiu sem muito alarde, só aquela velha enrolação que precede a verdadeira batalha, só que com alguns diálogos engraçados e com uma pitada minúscula de cenas de luta. Cenas essas que já foram o suficiente para fazer com que os homens-peixe prendam o Luffy em uma pedra e o joguem no mar.

10_079O oitenta e quatro foi bem chato, apenas com aquelas típicas provocações entre os personagens enquanto eles tentam mostrar o quão forte são, com cenas de ação bem regradas e com todos os personagens sangrando mil litros, mas é da vida. No capitulo oitenta e cinco como já era de se esperar, começaram a acontecer de fato às lutas, iniciando logo com a que eu mais esperava: Zoro versus… Qualquer um que esteja disposto a ser massacrado. Neste capitulo ao contrario dos outros, foi recheado de ação, com o Zoro espancando lindamente o homem-polvo; que se gabava por culpa de suas seis espada que nem um humano pode empunhar, e que acabou sendo derrotado por um humano com a metade de sua quantidade de armas. Que vergonha, perder pra um humano.

Que bosta de texto foi esse?… Nem eu sei; para minha defesa, foi escrito há mais de seis meses. Mas desculpa mesmo assim…

Até…           @_ayronn

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s